O Movimento Nossa BH tem uma proposta de sistematização, análise e monitoramento do orçamento público municipal, com destaque para os investimentos feitos em mobilidade urbana. Soltamos agora, o relatório que compreende todo o orçamento do ano passado. A partir do 3º relatório de Execução Orçamentária de 2017 é possível analisar todo o orçamento do ano, considerando os valores orçados dentro do ciclo orçamentário, empenhados e gastos até agora. 

O relatório é feito a partir da prestação de contas do Executivo Municipal, que é realizada a cada quatro meses, em um total de três por ano. Essas prestações de contas são divulgadas em audiências públicas na Câmara Municipal e o relatório atual foi apresentado no dia 28 de fevereiro deste ano. Em 2017, foram orçados R$ 11.580.356.244,00, empenhados R$ 10.036.417.543,67 e pagos um total de R$ 8.547.552.738,44. O valor empenhado equivale a 86,67% e valor pago 73,81% do orçamento total.

Se considerarmos a mobilidade urbana, ela se enquadra dentro da área de resultado Cidade com Mobilidade, que tem o 5º maior orçamento previsto dentre as 12 áreas. No entanto, quando observamos a porcentagem paga sobre o valor orçado, ela fica em 10º lugar, com 40% de seu valor orçado tendo sido pago (R$ 284.818.876,73).

Confira o relatório completo e veja as nossas comparações e análises sobre o orçamento de 2017, e sobre o Plano Plurianual de Ação Governamental (PPAG).  Análise Execução Orçamentária 3quad 2017 – MobUrb